sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Trabalhada na birra

Ontem foi o dia da senhorita Cecília se produzir toda e dar shows de birra, choro e de testar toda a minha paciência.

Não é fácil, depois eu fico triste, frustrada e impaciente.
Ela fica triste, chorona e magoada.
Como lidar?

Tento conversar, falar, explicar.
Mas chega uma hora que repetir a mesma coisas 635468736 de vezes cansa.
Para não perder a cabeça e a razão, o negocio é pensar no Conselho Tutelar diferenças de idades, no motivo para ela estar fazendo birra e na minha "raiva", no sono e em todos os fatores. E respirar, respirar, repetir, repetir... fazer um mantra.

Depois de sair correndo pelada do banheiro e eu ter que ir correndo atrás dela idem. Depois dela sentar no chão do banheiro e não levantar, depois dela não querer se secar, depois dela chorar pra colocar o pijama...no fim deu tudo certo, ela ficou sem a TV, deitou na cama dela por uns 10 minutos, eu deitei na minha, ela veio pedir desculpas, eu pedi desculpas ela deitou do meu lado e dormiu.


E vocês como lidam?
Beijos

6 comentários:

Diário da mãe e da filha disse...

É na época que a Ingrid fazia birras (agora essa fase até passou) eu conversava, mas muita conversa cansa e colocava ela de castigo sem poder ver televisão do jeito que você fez com a Cecília. E logo no dia seguinte ela estava melhor.

Eu sei de uma coisa. Bater NÃO!

Beijos

Ana Masi - LookBebê disse...

ahahah (desculpa rir).. imagino o sufocoooooo!!!
Nossa, q dificil.
Olha, ainda não estou nessa fase de muitas birras pra escolher o que quer fazer, mas minha pequena tem 1 ano e 2 meses e quando faz birrinha e se joga no chão (ELA SE ESPARRAMA!!!!!! o.O) Eu falo firme com ela, deixo ela no chao, me aproximo e peço pra ela se levantar.
Tem que ir conversando mesmo.
Bjos

Carol Damasceno disse...

Olá.. Acabei de conhecer o blog pelo Rede Mulher e Mãe...

Deve ser muito difícil, mas o melhor foi vocês fazerem as pazes, né... Acho que tirar o que eles gostam vale sim... Pois acho que o castigo é um forte aliado na educação, mas educar é difícil mesmo.. Mantra: Vai dar certo, vai dar certo, oooooommmm...

Boa sorte
Beijocas
Carol
#amigacomenta

Mãe do Theo disse...

Olá! Adorei o assunto. Meu bebê tem só 5 meses e é assim alguns dias, faz birra para ficar no berço, birra para ficar no carrinho, birra para ficar no tapetinho, tudo chora, tem dias que parece querer me testar..bom eu confesso que penso em sumir, mas aprendi a lidar pensando que isso é ser uma criança saudável, pq afinal a energia deles é infinita e eles tem opinião desde bebês rsrs!
Bjs!

Aprendendo com Davi disse...

Difícil Mana...mto difícil...Davi do alto de seu 1 ano e 3 meses faz birras...ainda bem que só em casa...rs..mas olha respiro, n ligo, explico, choramos...ai passa

Aprendendo com Davi disse...

Difícil Mana...mto difícil...Davi do alto de seu 1 ano e 3 meses faz birras...ainda bem que só em casa...rs..mas olha respiro, n ligo, explico, choramos...ai passa